PRF dos Campos Gerais registra redução de 12% no número de acidentes e mortes

A redução foi de 12% se comparado ao mesmo período de 2018

No primeiro semestre deste ano, a PRF registrou 301 acidentes nas rodovias federais dos Campos Gerais o que representou uma redução de 12%, se comparado ao mesmo período de 2018 em que se registrou 341 acidentes. O número de mortos baixou 12%, de 41 registrados em 2018, diminuindo para 36, já o de feridos subiu 5,6%, de 358 para 378.

Entre os acidentes com mortos, a colisão frontal ,o atropelamento de pedestre, e saída de pista, foram os principais tipos de acidentes registrados. A velocidade incompatível, a falta de atenção do motorista e a falta de atenção ao pedestre foram as principais causas dos acidentes com óbito.

Como a Região dos Campos Gerais apresenta muitos trechos em pista simples, a colisão frontal aparece com destaque entre os acidentes graves. Esse fator aliado à velocidade e às ultrapassagens mau sucedidas colaboraram para o números de feridos e mortos.

Quanto às fiscalizações no primeiro semestre de 2019, os radares flagraram 22.948 motoristas em excesso de velocidade, 1.803 motoristas foram autuados por realizarem ultrapassagens proibidas, as equipes da PRF abordaram 192 condutores dirigindo sob efeito de álcool, dos quais 46 foram encaminhados à Polícia Civil por crime de embriaguez ao volante.

Além desses números, 80 veículos transportando crianças sem a cadeirinha ou assento de elevação foram notificados e 1.320 veículos recolhidos aos pátios da PRF, por problemas de documentação ou por não apresentarem condições de segurança.

A PRF dos Campos Gerais destaca como estratégia principal de atuação, as operações realizadas com os demais órgãos de segurança de forma efetiva e continuada, como por exemplo, as Operações Madrugada Segura, realizadas nas áreas urbanas dos Municípios visando combater a embriaguez ao volante e aumentar a percepção de segurança pelo cidadão. Exemplos destas ações ocorreram de forma dinâmica e contaram também com o reforço de PRFs de Curitiba em locais com índices de acidentes associados ao consumo de álcool como a Avenida Souza Naves em Ponta Grossa e na Região da BR 153, nos Municípios de Rebouças, Rio Azul e Mallet.

Também como estratégia na redução dos acidentes, ocorreram 6 (seis) edições da Operação Serra Segura nos Postos de Fiscalização da PRF em Irati, Imbaú, Guarapuava e Ponta Grossa, direcionada especialmente à inspeção das condições de segurança dos veículos de carga que transitam sentido aos Portos e percorrerão trechos de serra. Na Operação Serra Segura, enquanto os agentes da PRF fiscalizam a documentação e mecânicos contratados pelas concessionárias realizam a inspeção dos mecanismos de segurança do veículo (sistema de freios, sistema de iluminação, etc.) o motorista do caminhão recebe uma palestra sobre as principais causas de acidentes rodoviários e tira suas dúvidas diretamente com os policiais envolvidos.

Balanço de acidentes em rodovias federais na Região dos Campos Gerais
(1º semestre de 2019)

36 mortos;

378 feridos;

301 acidentes;

192 motoristas embriagados;

1.803 ultrapassagens proibidas;

22.948 veículos flagrados acima da velocidade.

Informações PRF/Foto: PRF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *